Natal e ano novo chegando e já têm muita gente aproveitando as festas de confraternização.

Passar esses bons momentos com família e amigos é um dos melhores prazeres da vida, mas muitas vezes nesses momentos perdemos um pouco o controle da alimentação e das bebidas. Pra quem possui Diabetes, existe a necessidade de alguns cuidados específicos para evitar que o diabetes descompense.

Add a comment

Dra. Tarcila Ferraz de Campos

Dra. Tarcila Ferraz de Campos

  • Nutricionista Clínica e Mestre em Ciências da Saúde
  • Educadora em Diabetes IDF/SBD/ADJ
  • Membro dos Departamentos de Nutrição e de Educação em Diabetes da SBD (2016-2017)

Os pratos típicos das Festas Juninas e Julinas são uma forma de retribuição a São Pedro e São João, pelas chuvas que favorecem as plantações. A colheita dessa época é representada por alimentos como milho, amendoim, batata-doce e mandioca.

Como sabemos, boa parte desses pratos são preparados a partir de alimentos fonte de carboidratos e podem fazer parte do planejamento alimentar de quem tem diabetes. Um dos destaques é o milho, ingrediente base de diversos pratos consumidos no período (milho cozido, pipoca, bolo de milho, curau, pamonha). O milho é considerado um alimento energético para o consumo humano, devido à existência predominante de carboidratos (amido) e lipídios. O grão também apresenta proteínas, embora em quantidade inferior aos outros nutrientes.

Outra vantagem do milho em relação aos outros cereais é que, durante a industrialização, ele não perde a casca, onde está...

Cerca de duzentos anos após o nascimento de Cristo, os cristãos começaram a preparar a festa da Páscoa com três dias de oração, meditação e jejum. Por volta do ano 350 a Igreja aumentou o tempo de preparação para quarenta dias e foi assim que surgiu a Quaresma.O período da Quaresma é vivido na Igreja Católica desde a Quarta-feira de Cinzas até a manhã da Quinta-Feira Santa. Trata-se de um período litúrgico em que há a preparação dos fiéis para a celebração da Páscoa. Esta preparação é feita através de jejum, abstinência e orações. Muitas pessoas fazem penitência nesse período e, seguindo a tradição, muitas ainda deixam de comer carne durante os 40 dias, consumindo como principal fonte de proteína, o peixe. No período da Quaresma , durante 500 anos era seguido à risca o preceito de não se comer carne na quarta-feira de Cinzas e em nenhuma sexta-feira naqueles...

Com o objetivo de auxiliar o profissional nutricionista na elaboração de cardápios diferenciados para o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), o qual beneficia diariamente 41 milhões de alunos em todo o país, foi lançado recentemente - pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da educação (FNDE) - o primeiro Caderno de Referência sobre Alimentação Escolar para Estudantes com Necessidades Alimentares Especiais.

De acordo com a Lei nº 12.982/2014, é obrigatória a elaboração de cardápios diferenciados para a alimentação escolar de estudantes com alergia alimentar, diabetes, doença celíaca, intolerância à lactose e/ou outra necessidade alimentar especial. Sendo assim, o guia traz informações e recomendações práticas para subsidiar o profissional na adaptação do cardápio escolar, além de apoiar os gestores no atendimento aos alunos que apresentam alguma dessas condições clínicas.

Acesse o material na íntegra aqui


{backbutton} Add a comment ...

Pagina 1 de 6

Fale Conosco SBD

Rua Afonso Braz, 579, Salas 72/74 - Vila Nova Conceição, CEP: 04511-0 11 - São Paulo - SP

(11) 3842 4931

!-

secretaria@diabetes.org.br

-->

SBD nas Redes