Confira os ganhadores do Prêmio Atleta SBD 2019

Em 2019, o Departamento de Diabetes, Exercício e Esporte da SBD mobilizou-se para criar o Prêmio Atleta SBD, um reconhecimento às pessoas com diabetes praticantes de exercício físico e esportes. Atletas de todo o Brasil enviaram suas candidaturas em vídeo e texto, contando suas trajetórias como pessoas com diabetes praticantes de atividades físicas, e serão considerados exemplos para estimular outras pessoas a buscar o melhor controle e qualidade de vida por meio dos exercícios. A solenidade de entrega do prêmio será realizada em 18 de outubro às 16h30, na sala 1 do XXII Congresso Brasileiro de Diabetes.

Confira as categorias e os atletas premiados:

1) Até 17 anos
Vencedor: Gustavo Duarte – Confira o vídeo AQUI.
Gustavo tem apenas 9 anos e já é apaixonado por esportes. Antes do diagnóstico de diabetes tipo 1, que veio aos 7 anos de idade, o garoto considerava-se sedentário – após a descoberta da doença, sua endocrinologista recomendou a prática de atividades físicas para que o tratamento fosse ainda mais efetivo. Gustavo não fazia questão de praticar atividades físicas, mas com a motivação de sua mãe, entrou para o Taekwondo junto com ela. Hoje, ele é faixa azul clara e já conquistou muitas medalhas.

2) Entre 18-39 anos
Vencedor: Alexandre Paiva V. dos Santos – Confira o vídeo AQUI.
Diagnosticado com Diabetes Tipo 1 em 2009, Alexandre encontrava dificuldades para controlar sua glicemia nos primeiros meses em que descobriu a doença, principalmente durante a prática de atividades físicas. Os exercícios fazem parte de sua vida desde pequeno: aos 3 anos já praticava natação, aos 15 iniciou os treinos de corrida, mas encontrava dificuldades para manter-se ativo após o diagnóstico. Com o tempo, conheceu novos métodos para controle da doença e passou a utilizar a bomba de insulina em 2011, que permitiu a volta às práticas de exercício. Em 2018, conquistou o 2º colocado da categoria 25-29 anos no campeonato santista de triátlon realizado pela NA Sports (Troféu Brasil) e realizou seu primeiro triátlon de distância olímpica. A meta, agora, é participar do Ironman Brasil.

3) Entre 40 anos-64 anos
Vencedor: Emerson Bisan – Confira o vídeo AQUI.
Emerson estava na faculdade de Educação Física quando foi diagnosticado com Diabetes Tipo 1. Isso, porém, não o impediu de correr sua primeira maratona um ano após a descoberta da doença e, após 24 anos com diabetes, já ter realizado 95 delas. Além de ser um apaixonado pelo esporte, Emerson se especializou e tornou-se treinador de corrida, incentivando a prática de exercícios físicos e motivando outras pessoas a manterem-se saudáveis.

4) Acima de 65 anos
Vencedor: Neri de Campos – Confira o vídeo AQUI.
Neri tem 68 anos e é natural de Santiago, no Rio Grande do Sul. Diagnosticado com Diabetes tipo 2 em 2002, descobriu na corrida uma forma de sentir-se saudável e feliz. Desde 2017, já participou de 14 corridas e neste mês vai correr sua primeira maratona de 21K. Para Neri, a vida é o resultado das escolhas diárias, que se tornam hábitos que semearão o que colheremos no futuro. Dessa forma, encontrou saúde e qualidade de vida na corrida, e uma forma de conviver harmoniosamente com o diabetes.

Tags:

Acompanhe

Copyright © 2019 - Sociedade Brasileira de Diabetes