Controle de doenças crônicas é prioridade da OMS para 2019

A Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgou quais são as prioridades da saúde para 2019. Dentre elas, destaca-se o controle de doenças crônicas não transmissíveis, como diabetes que, só no Brasil, atinge mais de 13 milhões de pessoas. Para conter seu avanço, a OMS propõe atuar junto aos governos a fim de atingir a meta global de redução em 15% da inatividade física até 2030, o que pode ser feito por meio de implantações de políticas públicas que incentivem a prática de exercícios diários.

Segundo a OMS, sedentarismo, assim como tabagismo, consumo excessivo de bebidas alcoólicas, má alimentação e poluição do ar, é fator de risco que impulsiona o crescimento da incidência das doenças crônicas. Além disso, a decorrente obesidade está entre as principais causas do diabetes tipo 2.

A Sociedade Brasileira de Diabetes compreende a importância de colocar em prática medidas efetivas para o combate de doenças crônicas. Os especialistas da instituição estão à disposição para comentar a lista divulgada pela OMS.

Os 10 mais lidos

Contato

(11)3842-4931

Rua Afonso Braz, 579, Salas 72/74 Vila Nova Conceição, CEP: 04511-011 São Paulo - SP

Copyright © 2017 - Sociedade Brasileira de Diabetes