Especialistas criam consenso latino-americano de diabetes tipo 2 e obesidade

A Associação Latino-americana de Diabetes (ALAD) reuniu especialistas de diversos países do continente para a elaboração do Consenso ALAD sobre tratamento do paciente com diabetes mellitus tipo 2 e obesidade. A colaboração brasileira no documento ficou por conta do Dr. Bruno Halpern, coordenador do Departamento de Diabetes e Obesidade da Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD).

O consenso foi publicado em espanhol na revista da ALAD e busca explicar a importância da perda de peso no paciente com diabetes com base em evidências científicas. “A discussão a respeito da obesidade no diabetes é muito rasa, por isso quisemos dar maior visibilidade à questão e ao que precisa ser feito para pacientes com diabetes que, em sua maioria, são obesos ou têm sobrepeso”, afirma Bruno.

O documento mostra que, para um tratamento mais eficaz, é necessário buscar estratégias para que o paciente perca peso e possa melhorar um dos fatores que causam o diabetes tipo 2, já que mais de 90% dos pacientes diagnosticados com a doença estão acima do peso. “Mesmo os pacientes que não são obesos, em geral tem excesso de gordura abdominal e se beneficiam da perda de peso, principalmente nos primeiros anos após o diagnóstico. No consenso, falamos de exercício físico, dietas, cirurgia e medicações para perda de peso no paciente com diabetes. Discutimos, inclusive, uso de medicações para a obesidade, com intuito de melhora da glicemia e das comorbidades do paciente”, explica.

As metas descritas no consenso são específicas para a população latino-americana, principalmente em relação à circunferência abdominal. “A América Latina é um continente bastante heterogêneo, mas é importante trazer essa discussão à população. O consenso é inovador e quem sabe um pontapé inicial para a elaboração de um documento semelhante pela SBD”. Confira na íntegra.

Os 10 mais lidos

Contato

(11)3842-4931

Rua Afonso Braz, 579, Salas 72/74 Vila Nova Conceição, CEP: 04511-011 São Paulo - SP

Copyright © 2019 - Sociedade Brasileira de Diabetes