COLUNA VERDADEIRO OU FALSO #7 - Insulina pode ser armazenada fora da geladeira?

Na 7ª edição da Coluna Verdadeiro ou Falso, SBD esclarece dúvidas sobre o armazenamento do medicamento

A insulina é o hormônio produzido pelo pâncreas e tem a função de levar a glicose que está presente no sangue para dentro das células. Quando a produção da insulina é insuficiente ou inexistente, o indivíduo apresenta um quadro de diabetes e consequentemente necessita de reposição do hormônio. Com a nova rotina, muitas pessoas têm dúvidas sobre o armazenamento adequado da insulina. Afinal, ela deve ser armazenada na geladeira? Há uma temperatura correta para guardá-la?

A enfermeira e Coordenadora do Departamento de Enfermagem da Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), Maria Gabriela Secco Cavicchioli, esclarece que desde que esteja em uso, a insulina pode ser armazenada fora da geladeira: “A insulina que está em uso pode ficar dentro ou fora da geladeira. É uma opção do paciente, mas se preferir armazenar fora é importante ficar atento à temperatura do local, que deve permanecer em torno de oito a 30 graus. Para os que preferem guardar na geladeira, orientamos retirar a insulina alguns minutos antes da aplicação, porque se gelada pode causar dor no local. Também é importante lembrar de manter longe de exposição direta da luz solar, que pode superar a temperatura máxima ambiente admitida de 30 graus.”

Para a insulina que está lacrada, é recomendado que o armazenamento seja feito na parte inferior da geladeira e em temperatura de dois a oito graus, mantendo a embalagem e conservando em um pote plástico para proteger do contato com os alimentos.

Ainda segundo Maria Gabriela, o armazenamento correto da insulina é importante para manter a eficácia do hormônio: “Se a insulina não for armazenada de forma adequada, uma variação de temperatura para mais de 30 graus ou um congelamento para menos de dois interfere na ação quando for utilizada e pode prejudicar o controle glicêmico da pessoa com diabetes”, afirmou.

A SBD recomenda que os pacientes busquem seguir as orientações sobre a aplicação e armazenamento da insulina, além de consultar um profissional de saúde em casos de dúvidas sobre o tratamento do diabetes.

Você não tem permissão para enviar comentários