Young Leaders in Diabetes: Ativista da Saúde participa de projeto da IDF

Diagnosticado aos 18 anos com diabetes tipo 1, Bruno Helman foi o escolhido pela Sociedade Brasileira de Diabetes para ser um dos jovens líderes brasileiros que participa do projeto Young Leaders in Diabetes da IDF (Federação Internacional de Diabetes). O programa, que teve início em 2011, tem o objetivo de dar voz aos pacientes com diabetes e busca capacitar jovens a se tornarem protagonistas, embaixadores e promotores da educação, levando informação sobre a doença para outros pacientes e pessoas que convivem com o diabetes.

Um dos trabalhos de Bruno Helman com o Young Leaders envolve a conscientização a respeito da necessidade de pacientes com diabetes praticarem atividades físicas, que auxiliam não só o tratamento, mas a prevenção da doença, melhorando a qualidade de vida e acabando com preconceitos e estigmas relacionados ao diabetes.

O jovem é ativista e já faz ações para conscientização por meio dos esportes em todo o país. O primeiro contato de Bruno com a causa foi em 2016, durante uma expedição para a Islândia com outros 10 jovens que tinham diabetes, no T1D Challenge. “Participei do desafio a convite dos meus médicos, Dra. Denise Franco e Dr. Mauro Scharf, e foi a primeira vez que tive a oportunidade de conviver com outras pessoas que tinham diabetes tipo 1. Foi uma experiência totalmente transformadora, pois a partir daquele momento eu passei a me identificar e sentir que pertencia a um grupo. Foi ali que entendi a responsabilidade que eu carregava por gozar de privilégios, não só socioeconômicos, mas de apoio familiar que eu recebi tendo diabetes”.

Segundo o ativista, o interesse em ser um Young Leader nasceu há dois anos, justamente após participar do desafio, mas os médicos responsáveis por seu acompanhamento acreditavam que era necessário um envolvimento maior com causas relacionadas ao diabetes para que ele fosse selecionado.

Desde então, Bruno se engajou a fundo com a causa e desenvolveu o Correndo com Diabetes. O projeto busca, por meio de maratonas ao redor do mundo, promover a educação, informação e até mesmo inspirar pessoas que vivem direta ou indiretamente com a patologia. “A ideia principal é disseminar que uma condição crônica ou diabetes não precisam ser o fim – mas podem ser o começo de uma nova vida, o começo de uma nova maneira de encarar as dificuldades”.

A partir do projeto Young Leaders, Bruno tem os próximos 3 anos (2019-2021) para apresentar os projetos que visem melhorar a vida de jovens com diabetes. Bruno destacou que pretende criar mecanismos para que a SBD possa cada vez mais apoiar, educar e inspirar a população, atendendo às necessidades e demandas de toda a sociedade. “A minha expectativa é que por mais que a SBD seja uma sociedade médica e científica, voltada a profissionais de saúde, nós possamos torná-la um pouco mais voltada à pessoa que vive com diabetes, promovendo a prática de atividades físicas não só como forma de tratamento, mas também como forma de prevenção”, conclui.

Apaixonado por desafios e aventuras, o ativista garante que seu principal objetivo como Young Leader será ajudar as pessoas a superarem os desafios e barreiras através da atividade física, gerando bem estar e qualidade de vida.

Outras Ideias e Comentários

Fale Conosco SBD

Rua Afonso Braz, 579, Salas 72/74 - Vila Nova Conceição, CEP: 04511-0 11 - São Paulo - SP

(11) 3842 4931

secretaria@diabetes.org.br

SBD nas Redes