SBD, SES-MA e World Diabetes Foundation lançam projeto para redução a mortalidade materna, no estado do Maranhão

No último dia 19, a SBD esteve em São Luis (MA) para o lançamento do Projeto Viver Mais. A iniciativa visa a implementação de Cuidado do Controle do Diabetes e Hipertensão para reduzir a Mortalidade Materna, no estado maranhense, por meio do desenvolvimento e implantação de linhas de cuidado em diabetes, diabetes gestacional e hipertensão.

A ação, que abrangerá três áreas carentes, contará com aporte de mais de 500 mil dólares, até 2022, e é fruto de esforço conjunto da SBD, Secretaria de Estado de Saúde do Maranhão (SES-MA) e World Diabetes Foundation (WDF).

“A missão da SBD, dentre outras, é levar conhecimento para as pessoas com diabetes e também para os profissionais de saúde que lidam com a doença. A perspectiva da Sociedade em relação a esse projeto é justamente sedimentar essa missão, principalmente, considerando a região Nordeste – sobretudo, o estado do Maranhão – ser uma área desassistida. Ou seja, onde encontramos uma dificuldade de recursos humanos e materiais. Portanto, o projeto com a World Diabetes Foundation, Secretaria de Estado da Saúde do Maranhão e SBD representam um grande passo para que possamos, por meio da educação, dar o apoio necessário aos profissionais de saúde e também implementar estratégias que possam, de fato, contribuir para transformar a vida das pessoas com diabetes, nesse estado”, pondera a presidente da SBD. Dra Hermelinda Pedrosa.

No projeto, a SBD fará a gestão dos fundos e a coordenação dos trabalhos técnicos. Pela maior proximidade, a SES-MA fará contatos iniciais com a SES-CE, via o CIHD – Dra. Adriana Forti e equipe. Caso se faça necessário, certamente serão feitos contatos com o CEDEBA – Dra. Reine Marie Chaves Fonseca e equipe.

“A implantação da linha de cuidado para atenção integral à pessoa com Diabetes, Hipertensão e Diabetes Gestacional com objetivo de garantir a integralidade e continuidade do acompanhamento é o principal objetivo do Projeto. Na população com Diabetes Gestacional, assim como mulheres com diabetes que engravidam, certamente terá um impacto positivo sobre os indicadores de saúde especialmente na diminuição da morbimortalidade por essa causa” complementa, a Dra. Fernanda Thomé.

Essa vitória foi selada com uma reunião que marcou o início das ações. Na ocasião, estiveram presentes (da esq. para a dir.) enfermeira Renata Quintanilha; psicólogo Marcio Menezes; pedagoga Claudiana Cordeiro; a presidente da SBD, Dra. Hermelinda Pedrosa; secretário de Saúde do Estado do Maranhão, Dr. Carlos Lula; Dra. Fernanda Thomé (SBD-MA); Dra. Walderise Pereira; e as enfermeiras Elane Carvalho e Larissa Morais.

Fale Conosco SBD

Rua Afonso Braz, 579, Salas 72/74 - Vila Nova Conceição, CEP: 04511-0 11 - São Paulo - SP

(11) 3842 4931

secretaria@diabetes.org.br

SBD nas Redes