Novo presidente da Sociedade Brasileira de Diabetes apresenta pilares, propostas e desafios da gestão 2020-2021

Dr. Domingos Malerbi

  • Endocrinologista
  • Presidente da SBD Gestão 2020-2021
  • Membro do Corpo Clínico do Hospital Israelita Albert Einstein
  • Graduação pela Universidade de São Paulo
  • Especialização pela Universidade de São Paulo
  • Mestrado em Endocrinologia pela Universidade de São Paulo
  • Doutorado em Endocrinologia pela Universidade de São Paulo

São Paulo, janeiro de 2020. Nesse recém-iniciado ano de 2020, o endocrinologista Dr. Domingos Augusto Malerbi assume seu maior desafio na Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD) – presidir a entidade que integra há duas décadas. Para o biênio 2020-2021, o médico destaca o ensejo de ampliar investimentos em educação, sobretudo associados às novas tecnologias; descentralizar a gestão por meio de valorização e autonomia de diferentes expertises e profissionais de cada área; criar uma regional paulista para a SBD; além de promover especial celebração para o aniversário de 50 anos da associação.

Segundo o Dr. Malerbi, nos próximos dois anos, a gestão da SBD se baseará em três pilares principais:

  1. Investimento em tecnologia em educação em diabetes. Ele defende que a instituição não pode ficar alheia à tendência mundial de utilização da informática e inteligência artificial para melhor difusão de conteúdos, seja por meio de cursos específicos, educação continuada à distância ou outros formatos e iniciativas. “Todas as atividades de educação passarão por esse olhar de inovação”, complementa.
  2. O segundo pilar refere-se à epidemiologia da doença. A entidade deve empenhar especial esforço para apoio e realização de estudos sobre o Diabetes Mellitus e fatores relacionados.
  3. Fortalecimento da gestão com contínua abertura de caminhos para crescimento e profissionalização da entidade configura o terceiro pilar.

Outros pontos estratégicos foram apresentados pelo Dr. Malerbi, como a criação de uma regional paulista da SBD, Estado com o maior número de associados. Ele revela que a diretoria defende que a sede não esteja na capital do Estado, mas em um município de meio porte do interior paulista, aproximando-se e conferindo valor às práticas e pesquisas realizadas para além da cidade de São Paulo. O médico aponta também o objetivo de ampliar a quantidade e qualidade das parcerias da SBD com entidades internacionais. E, ainda para esse ano, especial comemoração dos 50 anos da associação.

O presidente finaliza ressaltando que “essa gestão será bastante descentralizada. Vamos delegar funções e atividades para profissionais de cada área e região. A gestão será abrangente e inclusiva com médicos e demais colegas que queiram colaborar com ações e projetos”.

Fale Conosco SBD

Rua Afonso Braz, 579, Salas 72/74 - Vila Nova Conceição, CEP: 04511-0 11 - São Paulo - SP

(11) 3842 4931

secretaria@diabetes.org.br

SBD nas Redes