MUTIRÃO DO DIABETES DE ITABUNA

O Mutirão de Diabetes é realizado anualmente há 15 anos no Município de Itabuna, no Sul da Bahia. Iniciou no ano de 2004, inspirado em um projeto de Mutirão do Olho Diabético que ocorria no Departamento de Oftalmologia da UNIFESP. Sendo iniciado como uma campanha voltada a detecção e tratamento da retinopatia diabética, evoluindo para um Mutirão multidisciplinar e multiprofissional, com múltiplos serviços educacionais, se transformando em um programa de grande envolvimento da sociedade com apoio e participação importante de toda a comunidade. Em 2019 foi realizada a 15a edição do Mutirão do Diabetes de Itabuna, já sendo considerada uma das mais importantes campanhas de diabetes do Brasil.

Este modelo consiste na avaliação de forma interligada das complicações crônicas do Diabetes, onde a avaliação da retinopatia diabética através do exame de fundo de olho é que define a população de risco para avaliação de outras complicações, como renais e cardiológicas, por ser um biomarcador que quando presente está associado a maior incidência destas outras complicações.

Nos 15 primeiros anos de Mutirão do Diabetes de Itabuna perto de 27 mil pacientes com diabetes realizaram exames de mapeamento de retina e do pé do diabético. Cerca de 2.200 pacientes, com doença ocular mais grave, foram submetidos a tratamento gratuito de fotocoagulação a laser da retina nestes 15 anos e boa parte destes, por apresentarem maiores riscos de morbimortalidade, foram submetidos a avaliação renal e mais recentemente da cardiopatia diabética. Por edição realizamos a avaliação multidisciplinar de complicações diabéticas em cerca de 1.500 a 2.000 pessoas com diabetes.

Realiza-se, concomitantemente, uma grande Feira Multidisciplinar de Educação em Saúde para o Diabetes para mais de 15 mil pessoas, com vários serviços educativos e de assistência ao cuidado com o diabetes, além de estandes específicos para o diabetes infantil, nosso Diabetes Kids. Em cada evento contamos com a ajuda de aproximadamente 1.000 voluntários, entre médicos, enfermeiros, nutricionistas, psicólogos, educadores físicos, farmacêuticos, odontologistas, fisioterapeutas, entre outros, com mais de 400 estudantes de diversas áreas.

A Record TV local apresenta um programa especial do Mutirão do Diabetes há mais de 9 anos, para o Sul, Sudoeste e Extremo Sul da Bahia, com depoimentos e show com bandas musicais e, este ano flash nacional na Rede Record, com um potencial de abrangência para em torno de 2 milhões de telespectadores. O Mutirão de Itabuna para ser realizado é tem o apoio da prefeitura municipal de Itabuna, de empresas privadas, universidades locais Clubes de Serviços, principalmente o LIONS, além do apoio importante da Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO), Sociedade Brasileira de Retina e Vítreo (SBRV), Federação Nacional das Associações e Entidades em Diabetes (FENAD), entre outras entidades.

Os mutirões seguem as estratégias e temas do Dia Mundial do Diabetes da International Diabetes Federation (IDF), desenvolvendo várias ações de envolvimento da comunidade, além do Mutirão, como a Pedalada Azul com mais de 1500 ciclistas, Campanha da Luz Azul, e várias palestras e ações em clubes de serviços e de toda campanha publicitária de prevenção do Diabetes no mês de Novembro com grande participação da mídia e envolvimento importante de toda a comunidade.

Em 2016, foi criada ONG Unidos Pelo Diabetes (UPD) com o intuito de gerir toda construção do Mutirão do Diabetes de Itabuna e várias outras ações associadas de mobilização, capacitação e educação em diabetes. São realizadas durante ano várias capacitações e cursos teórico-práticos multidisciplinares e multiprofissionais, através das equipes da ONG, para mais de 400 estudantes de medicina e enfermagem e de diversas áreas, além da capacitação, em parceria com a secretaria municipal de saúde, das enfermeiras da rede básica de saúde e dos agentes comunitários.

EXPANSÃO E MULTIPLICAÇÃO

Através da ONG Unidos Pelo Diabetes, o modelo do Mutirão de Itabuna vem sendo replicado, inspirando campanhas em várias cidades, por meio de consultoria à distância, cursos presenciais para mutirões nos congressos médicos, e alguns casos, com treinamento presencial em loco na própria cidade. Os Mutirões do Diabetes inspirados no modelo de Itabuna, são em sua maioria, liderados por oftalmologistas, aconteceram em 17 cidades do Brasil em 2018 e evoluindo para 24 cidades em 2019, atingindo todas as regiões do Brasil. Os mutirões nestas cidades, com apoio da experiência e consultoria da ONG, estão atingindo em poucas edições grande poder ação, ficando cada vez maiores, multidisciplinares e impactantes, e tendo como foco principal a prevenção, através de exames do fundo olho, pé e rim diabéticos, ações educativas, de mobilização e envolvimento da comunidade.

Os Mutirões do Diabetes vêm sendo desenvolvidos em todas as regiões do Brasil, já com importante impacto em suas cidades, com caráter de multidisciplinar e envolvimento da comunidade, apoiadas pela nossa ONG Unidos Pelo Diabetes, através de treinamento e consultoria, como o Mutirão do Diabetes de Aracaju - SE, Belém - PA, Porto Velho-RO, Belo Horizonte - MG, Uberlândia - MG, Janaúba - MG, Betim-MG, Blumenau - SC, Joinville - SC, Curitiba - PR, Goiânia - GO, Campo Grande - MS, Cuiabá́ - MT, Vitória da Conquista - BA, Itapetinga - BA, Feira de Santana - BA, Fortaleza - CE, Petrolina - PE, São Paulo - SP, Ribeirão Preto - SP, Sorocaba - SP, São Gonçalo - RJ e Presidente Prudente-SP. Outras cidades vem em organização e planejamento para realização dos seus primeiros Mutirões, como São Luís - MA, Porto Alegre - RS, Rio Branco-AC, Manaus-AM, Palmas - TO, entre outras.

Fale Conosco SBD

Rua Afonso Braz, 579, Salas 72/74 - Vila Nova Conceição, CEP: 04511-0 11 - São Paulo - SP

(11) 3842 4931

secretaria@diabetes.org.br

SBD nas Redes